Câmara Municipal de Penela

Conhecido vencedores do Concurso Público de Concepção para o Complexo Arqueológico da VRR

Conhecido vencedores do Concurso Público de Concepção para o Complexo Arqueológico da VRR


De entre as 18 propostas apresentadas a concurso, o Júri decidiu, numa primeira fase, admitir 15 propostas, tendo em conta que duas delas foram recebidas após o termo do prazo fixado para o efeito e uma outra não cumpria o princípio de anonimato, tendo de seguida procedido à hierarquização daquelas.
Posteriormente, numa segunda fase, após abertura dos invólucros «Concorrente» e «Divulgação», o júri verificou que a proposta inicialmente hierarquizada em 4º lugar não era constituída por uma Equipa de Projecto multidisciplinar, que se exigia, pelo que, também aquela foi excluída.
Das 14 propostas admitidas, e após a habilitação dos concorrentes classificados até ao 3.º lugar, a Câmara Municipal de Penela deliberou no sentido aprovar o Relatório Final do Júri e respectiva grelha final de hierarquização, de acordo com o seguinte:

1º Prémio:


Sara Maduro Unip. Lda (Officexsmrs)/ Sossio de Vita/ Parisi

Segundo o Júri «o desenho favorece a leitura da peça arquitetónica proposta face à antiga, impõe-se como imagem diferenciadora na paisagem. (...) O projeto apresenta a paisagem como museu e o museu como um recinto que se estende na paisagem.»*
Para além de outras características, o júri salientou ainda a capacidade de «leveza e efemeridade expressa nos planos horizontais das coberturas dos vestígios arqueológicos, ... a ideia de encerramento e abertura...»* simultânea, bem como a capacidade do «espaço ser aberto a apropriações várias ...»* favorecendo a realização «... de eventos ao ar livre.»*

2º Prémio:


Arch. Riccardo Renzí PHD

O júri considera que a proposta, que «replica o uso da proporcionalidade vitruviana ... apresenta como ideia forte a definição de um conjunto de recintos, definidos predominantemente por muros que estruturam o território onde se implantam ... percebendo-se uma preocupação de procura de escala no local.»*
«O projecto propõe a criação de uma atmosfera ancestral aparentemente sem linguagem e sem tempo».*

3º Prémio:


Tiago Filipe Pedrosa Martins

Segundo o júri, «a ideia forte subjacente à proposta suporta-se na camuflagem das coberturas e na definição clara de uma estrutura para o território em questão. A proposta concretiza-se a partir de um elevado volume de contrução, ... que tem a capacidade de criar uma leitura do sitio arqueológico bem ordenado.»*

Para mais informações consultar:
> Plataforma Electrónica Certificada Acingov (www.acingov.pt)
> Micro-site
> Relatório Final do Concurso

 

*Excerto do Relatório Final do Júri



Data

05/02/2020

Categoria

Cultura

Partilhar notícia