Câmara Municipal de Penela

Percursos Pedestres

Venha conhecer os recantos de singular beleza no Concelho de Penela. Em família ou com os amigos, as rotas e percursos que aqui vos propomos são uma excelente opção para se lançar à descoberta, por caminhos calcários ou xistosos preenchidos com flores de cores vibrantes, árvores seculares e toda uma fauna diversificada e selvagem.
 

PNL1 – Caminho do Xisto de Ferraria de S. João

PNL1 – Caminho do Xisto de Ferraria de S. João O Caminho do Xisto da Ferraria de S. João mostra-nos várias perspetivas do incrível envolvente desta Aldeia de Xisto. O percurso começa no Centro de BTT, desce ao centro da aldeia e atravessa as hortas da aldeia, plantadas ao longo da ribeira das Ferrarias que aqui nasce e cujas margens iremos acompanhar. É um sector sinuoso, mas interessante, onde encontramos alguns sistemas de irrigação antigos e que utilizam engenhos tradicionais para captar água. No final desta zona encontramos a sinalização que nos indica a possibilidade de encurtar o percurso para cerca de 2,5 km, evitando as maiores complicações técnicas e de relevo, mas impossibilitando a observação de vistas panorâmicas de tirar o fôlego. O percurso restante desenvolve-se sobre rochas quartzíticas, permitindo avistar alguns moinhos de água antigos, até mergulharmos nas gargantas da ribeira. Continuamos no troço da Grande Rota das Aldeias do Xisto de ligação ao Casal de S. Simão e que nos vai levar de volta até à Ferraria, subindo à cumeada da serra do Espinhal, de onde se tem uma vista soberba sobre a aldeia, as cristas quartzíticas e toda a região envolvente. A descida final é abrupta e pedregosa e desemboca na frondosa mata de sobreiros e nos currais comunitários, ex-libris histórico da vida desta aldeia. Este percurso não é aconselhado a famílias com crianças pequenas.

Caraterísticas do Percurso:
 Pontos iniciais: 39.973902; -8.327559
 Distância: 4,9 km
 Dificuldade: 3/5
 Pontos de interesse: 7
 
  
 

PNL2 – Da Pedra da Ferida à Louçainha

O percurso pedestre da Pedra da Ferida à Louçainha situa-se no concelho de Penela, freguesia do Espinhal e desenvolve-se ao longo de um curso de água conhecido como ribeira de Azenha. O principal ex-líbris deste percurso é uma queda de água com cerca de 25 metros de altitude, que se vislumbra no leito do ribeiro e que, poeticamente, é designada como Cascata da Pedra da Ferida. O nome resulta da interpretação do povo local, de um fenómeno natural (oxidação) que ocorre devido ao contacto das rochas com a água. O percurso pode realizar-se nos dois sentidos, contudo, devido à sua exigência, é aconselhado o sentido ascendente (Pedra da Ferida – Louçainha) e não é adequado a famílias com crianças pequenas. A ribeira de Azenha atravessa diversos bosques autóctones que constituem um testemunho vivo da paisagem subtropical ibérica. Os bosques são constituídos por Louriçais com todas as características e valores ecológicos que este tipo de habitat encerra. Neste percurso, por forma a facilitar a fruição da paisagem, existe um conjunto de equipamentos e infraestruturas, como Pontos de Encontro, Zona de Merendas, Zona de Estadia e, ainda nove travessias que permitem o atravessamento entre margens da Ribeira. Fora do percurso, na EN 347 que liga o Espinhal à Castanheira de Pêra, existe ainda um miradouro junto ao lugar do Carvalhal da Serra, que constitui um local privilegiado para uma melhor leitura da paisagem. Nesse sentido, sugere-se que seja visitado como complemento a este percurso. Ao longo do percurso todos os equipamentos e sinalética têm atribuído um código sequencial SOS. Em caso de acidente esse código deve ser comunicado à entidade de socorro para uma rápida localização do sinistrado.

Caraterísticas do Percurso:
 Pontos iniciais: 40.008751; -8.354481 | 40.0
 Distância: 6,2 km
 Dificuldade: 4/5
 Pontos de interesse: 8